DiaristasDicas de FaxinaLimpeza de escritóriosLimpeza domésticaOrganização da casaQualificação profissional

Saiba como limpar objetos delicados e frágeis

Clean plates, cups and glasses on green background

 

Grandes faxinas ou mesmo as corriqueiras limpezas da casa costumam aterrorizar os colecionadores de arte. O problema é que, geralmente, um simples esbarrão ou um mínimo respingo de produto podem representar um prejuízo inestimável às valiosas obras. Por isso, saber como limpar apropriadamente esse tipo de material, muito delicado e frágil, simplesmente não tem preço.

Nós do Blumpa aprendemos de uma maneira bem difícil que cuidado é essencial!

Para que seu belo acervo — ou aquele único item, lindo, adquirido com tanto sacrifício — não acabe jogado no lixo, confira agora mesmo nossas dicas práticas para a limpeza ideal de 3 categorias de objetos delicados:

desastrado

Porcelanas e objetos de arte

Caso o serviço de limpeza da sua casa seja feito por diaristas ou empregados domésticos, é recomendável que você os informe sobre a existência de obras de arte nas prateleiras, sobre as mesas ou cômodas. Assim, seus funcionários irão redobrar a atenção ao retirarem a poeira desses objetos. Sem contar que, caso os objetos venham a cair e se quebrar, você não corre o risco de ter os pedaços da sua obra jogados fora sem a menor cerimônia. Lembre-se de que nem todo mundo tem conhecimentos artísticos e sua raríssima porcelana chinesa pode ser solenemente confundida com um kit de xícaras comprados em um supermercado de bairro. Melhor não correr o risco, não é mesmo?

Quadros

Com o tempo, os quadros acumulam bastante poeira, inevitavelmente formando uma camada de sujeira sobre a pintura que pode vir a provocar manchas ou o escurecimento da imagem. A camada mais externa da pintura é muito sensível, por isso recomenda-se que a limpeza seja feita por um especialista, profissional capaz de identificar qual o produto mais indicado para não danificar o material original. No mais, evite espanadores, panos molhados e aspiradores, e procure não deixar o quadro diretamente exposto ao sol, o que acelera a deterioração da pintura. Se a camada de pó estiver muito espessa, retire a sujeira suavemente, com um pincel bem macio seco.

Cristais

Quebrar copos é praticamente inevitável em qualquer casa. Mas quando se trata de cristais, a situação fica um pouco dramática, pois os conjuntos costumam ter um preço salgado e, não raro, possuem um certo valor afetivo, além de funcionarem também como objetos decorativos. Portanto, o ideal é que você lave seus cristais com as próprias mãos, delicadamente, com uma pequena quantidade de detergente neutro e água morna para retirar toda a gordura e os resquícios de líquidos. Caso insista em usar a bucha, lave a superfície das taças apenas com a parte amarela, aquela que é menos abrasiva. Quando terminar, deixe as peças se secarem sozinhas, com a boca para baixo, no escorredor de pratos.

Objetos limpos e bem cuidados contribuem não só para uma casa mais organizada, como também para um lar aconchegante e bem decorado. Para acompanhar a dificuldade em se colecionar obras de arte, sua limpeza também não é das mais simples. Mas é importante não deixar de fazê-la. Então trate de realçar o valor da sua coleção com uma limpeza criteriosa. Depois do trabalho, deguste um bom vinho em sua cristalina taça enquanto admira seu Picasso.

E então, qual das nossas dicas lhe pareceu mais prática e eficaz? Tem sugestões de outros métodos de limpeza para conservar esses objetos inestimáveis? Comente aqui e compartilhe conosco suas experiências! Participe!

Comentários

Leave a Response