Dicas de FaxinaOrganização da casa

Coloque a casa em ordem quando as crianças estiverem à toa

One for all and all for a tidy room

Férias para que? Janeiro vem aí com tudo, prometendo sossego, viagens e descontração. Ah, fala sério! Mãe que é mãe sabe que janeiro é o mês mais estressante do ano. É ou não é? Com a criançada à toa o trabalho no escritório até parece folga, não é mesmo? Isso quando não estão brincando de lutinha na sala ou fazendo cabaninhas com as almofadas daquele sofá que você sequer acabou de pagar. Mas será que a pilha nunca acaba? Ou será que é possível canalizar toda essa energia para conseguir uma mãozinha nas tarefas domésticas?

Se está no inferno, abrace o capeta

Se sua casa virou um verdadeiro parque de diversões e você tem que comprar ingresso para conseguir transitar de um cômodo para outro, melhor nem tentar conter os pequenos contando só com sua própria força. Faxina geral, então, nem pensar! Mas calma. Se seu lar acabou se tornando um uma Disney paraguaia, ainda assim é possível providenciar uma limpezinha. Basta contar com a ajuda deles, isso mesmo, dos seus pestinhas. Afinal de contas, se não pode vencê-los, junte-se a eles!

Se a missão é impossível, trace um plano demoníaco

Para convencê-los de que ajudar a organizar a casa é muito mais legal do que continuar a guerrinha de papel higiênico molhado no corredor, você vai precisar de um plano maquiavélico. A primeira estratégia é usar sua própria linguagem. Para que você tenha sucesso nessa tarefa, resolvemos listar aqui alguns personagens infantis que poderão servir de incentivo para que eles embarquem na aventura de varrer a casa como as Tartarugas Ninjas ou lavar os pratos como o Bob Esponja. Confira:

Lavando a louça em uma aventura do Bob Esponja

Lembre-se de que, para conquistar a atenção da garotada, é preciso imaginação. Olhe para sua pia cheia de pratos, copos e talheres sujos e imagine: quantas batalhas pode um Bob Esponja e sua turma desencadear nesse oceano, com a missão de deixar a louça branquinha e brilhante, sã e salva dos inimigos sujões? Passe a missão para a criançada e veja a mágica acontecer.

Varrendo a casa com as Tartarugas Ninjas

Essa é a estratégia perfeita para quem conseguiu a façanha de colocar 4 filhos no mundo, já que cada um poderá escolher seu personagem preferido — Leonardo, Michelângelo, Raphael ou Donatello. Da mesma forma, cada um deles carregará uma arma específica, assim, as crianças podem imaginar que a vassoura, a pá, o espanador e o rodo são instrumentos letais que, aplicados corretamente, vão impedir que a casa seja invadida por criaturas abomináveis dos esgotos, como baratas, ratos e formigas. Não custa nada tentar!

Guardando os brinquedos com o Toy Story

Pergunte se a meninada sabe que, durante a noite, os brinquedos ganham vida e podem fugir dos seus donos, especialmente se estiverem espalhados pelo chão da casa. Assim, a não ser que cada um dos brinquedos esteja bem guardado em seu lugar, existe o risco de eles se rebelarem e desparecerem para sempre, deixando de uma vez por todas seus donos. Ameace o brinquedo alheio para ver se não acontece uma revolução!

Cuidando do pet com a Galinha Pintadinha

Se a turma da Galinha Pintadinha tem formiga, galo e passarinho, quem disse que não pode incluir cães e gatos, como os que você tem em casa? Faça dos seus bichanos personagens especiais nessa fazenda! Cães e gatos são amigos da Galinha Pintadinha que, por sinal, adoram crianças que dão a eles de comer, de beber, tomam conta e ainda levam para passear! Minta um pouquinho e risque essa tarefa da sua lista não só nas férias, mas para sempre!

Nunca é cedo — ou tarde — para ensinar as crianças a realizarem algumas tarefas domésticas bastante simples. A faxina não precisa, afinal, ser uma atividade tão penosa. Além disso, mãe nenhuma merece sobrecarga de serviços sobre suas costas, ainda mais nas férias, não concorda?

E então, o que achou de colocar todo mundo para trabalhar ao lado dos seus heróis favoritos? Gostou da nossa tática de faxina colaborativa? Comente aqui e compartilhe conosco sua opinião!

 

Comentários