Limpeza domésticaOrganização da casa

4 dicas para nocautear seu pet com limpeza

Bathroom to a dog

Você se lembra de quando viu seu pet pela primeira vez, naquele caixotinho exposto na loja, tão miudinho, bonitinho e perfumadinho, uma fofura só? Pois quem diria: hoje, todo sujo e babão, ele em nada se assemelha àquela linda e inocente bolinha de pelos. Suas almofadas novinhas já parecem ter sido herdadas da sua bisavó e as pegadas deixadas nos tapetes impregnaram sua sala com aquele inconfundível odor de morrinha que quase sufoca as visitas?

E como se não bastasse transformar a casa em um canil, o sarnento ainda detesta tomar banho? Pois nessa hora é preciso muita psicologia canina para conseguir enfiar o totó no chuveiro, não é mesmo? Mas quem sabe não dá para apelar para os ensinamentos de ninguém menos que Rocky Balboa, o lutador, grande sábio e Doutor Pet de outrora? Mas como aplicar seus valiosíssimos ensinamentos à atribulada vida animal dos dias de hoje? Pois é o que vamos ensinar agora mesmo! Então confira:

Round 1: estude bem seu adversário

Antes de cada luta, Rocky sempre se dispôs a estudar seu oponente, analisando todos os seus pontos fortes e fracos. Se seu pet é um poodle ou de uma raça tão inteligente quanto, você já sabe muito bem que não adianta simplesmente chamá-lo para tomar banho, porque ele rapidamente associará o chamamento à sensação incômoda da limpeza e tratará de se esconder nos locais mais ermos. Às vezes pode até rolar uma mordida ingrata. Nessa hora, faça como Rocky, pegue-o de surpresa e o coloque diretamente sob o chuveiro, com água morna, para não abusar do bichinho. Lembre-se de deixar o local devidamente preparado antes de dar o bote, com toalhas para a secagem, shampoo e condicionador especiais, algodões, secador e janelas fechadas para evitar a corrente de ar.

Round 2: nunca subestime o oponente

O melhor amigo de Rocky era também um lutador que acabou morrendo ao ser nocauteado em uma luta. Seu erro foi subestimar o adversário. Não é porque seu cachorro, diferentemente do poodle, gosta de passar horas debaixo do chuveiro, engolindo a água que cai sem ter hora para acabar, que você pode simplesmente esquecê-lo ali até a sujeira resolver fugir por si própria. Saiba que os cães que topam tudo, sem drama, são os mais propensos a peraltices, do tipo escapar correndo do chuveiro todo molhado, encharcando aquele sofá clarinho que você tanto ama. Ou seja, por mais que o banho seja uma atividade prazerosa, é preciso manter um olho no peixe e o outro no gato, ou melhor, cão!

Round 3: não tenha medo de se superar

Para vencer o russo Ivan Drago, Rocky teve que treinar intensivamente, por dias e dias a fio. Quando finalmente conseguiu levá-lo à lona, depois de rounds intermináveis, nem acreditou. Deixar o cãozinho realmente limpo dá tanto trabalho que às vezes preferimos vê-lo encardir nosso estofado a ter que encarar longos minutos daquele lava e esfrega sem fim, não é verdade? Por isso, deixe para dar banho no teimoso de plantão nos dias que você estiver muito bem disposto, sem pressa, quando houver tempo para se preparar física e psicologicamente para dar aquele trato no seu melhor amigo cascão.

Round 4: parta para o ataque

Se você conseguiu acuar seu pequeno adversário, comece rapidamente removendo a camada de sujeira mais pesada com um sabão de coco. Quando perceber que a água preta já escorreu toda pelo ralo abaixo, aplique o shampoo e, depois, o condicionador. Passe bem localizadamente a espuma sob a cabeça do bichinho, não se esquecendo de tampar seus ouvidos com chumaços de algodão para evitar infecções. Remova os resíduos de ração e outros alimentos que costumam ficar presos na barbinha e enxágue de novo. Aí pronto: nocaute! Agora é só enxugá-lo bem para não deixá-lo morrer de frio e secar os pelos com um secador em uma temperatura amena. Agora seu maltrapilho voltou a ser aquela fofura que tocou seu coração dentro da loja. Pelo menos pelos próximos poucos dias, né?

Mas lavar o seu pet e deixar sua casa sempre limpa não precisa necessariamente ser uma luta de boxe. Basta que você tenha disciplina para dar banhos semanalmente, buscando sempre desinfetar as áreas pelas quais o habitante canino do seu lar costuma passar e deixar seu nada agradáveis recados. É bom para o seu pet e muito melhor para você e para o nariz dos seus visitantes!

Também conhece boas táticas para deixar seu cão todo engomadinho? Comente aqui e compartilhe suas dicas conosco!

 

Comentários